Audiência Pública para discussão do Plano Municipal de Saneamento Básico de Conceição do Jacuípe

Audiência Pública para discussão do Plano Municipal de Saneamento Básico de Conceição do Jacuípe

maio 29, 2019 0 Por heliodefaria

Dia 28 de maio, foi realizada na Câmara Municipal de Conceição do Jacuípe, uma Audiência Pública, para discussão do Projeto de Lei 024/17 que dispões sobre a Política Municipal de Saneamento Básico e o Plano Municipal de Saneamento Básico de Conceição do Jacuípe.

Esse Projeto deu entrada na Câmara em 2017, mas devido a erros gramaticais até de localidades,, viram páginas onde lia se nome de outras cidade, notadamente usando um “controle C”, depois de serem feitos todas as retificações, os vereadores pediram ao Presidente da casa, Vereador Pedro Andrade (e logo atendido), a contratação temporária de um engenheiro ambiental, profissional da área onde poderia responder todas as dúvidas dos vereadores, devido ser o Projeto altamente técnico e complexo (1.400 páginas), para que pudessem analisar e discutir com a comissão especializada na casa e posteriormente em plenário para votação.

Fizeram parte da mesa. O Presidente vereador Pedro Andrade, o vereador Ralf do Bessa, a vereadora Monica e os representantes da Embasa Djalma Santos da Silva gerente operacional, Rosana Borba gerente regional. Representando a parte técnica da Câmara, os engenheiros ambientais Valmir Alves Junior e Priscila Freitas Santos, estiveram compondo a mesa na audiência, os vereadores, Junior de Totinho, Marcelo, Didi, Juliene e Jodilson, também presentes, o secretário de obras do município Carlos Teodoro a secretaria do meio ambiente Olivia Alves Brito Correia, e engenheiros e também o representante do Portal do Sertão Sr. Leandro.

Aberto a audiência, foram tratados diversos assuntos inerentes ao projeto, desde a prevenção ao combate da Dengue, pontos de contaminação do solo no município, manejo de resíduos sólidos,, empresas contratadas pelo município para recolhimento de resíduos, a importância da participação da população na discussão, a distribuição de água para a população com os devidos meios de transportes, irrigação, a cabeceira do rio dos Cágados poluída por uma central de tratamento de esgoto administrada pela Embasa. Houveram diversas participações nas discussões, como o Sr. Alfredo Venceslau, membro da Comissão do Meio Ambiente de Salvador, a agente de epidemiologia da secretaria de saúde, Sr. Wilson, funcionário da secretaria de obras, Sr. Pedro, engenheiro ambiental do município.

Encerrando os trabalhos, o Presidente da Câmara, falou que será marcada para breve, uma nova audiência pública, para que os vereadores possam ficar mais conscientizados do Projeto, para terem condições de analisarem, discutirem e votarem o Projeto de no. 024/2017 que e o Plano se Saneamento Básico do Município.