Otto Alencar é denunciado no Conselho Federal de Medicina como “falso ortopedista”

O senador Otto Alencar não tem registro profissional como Ortopedista. Ele mente.

Nesse sentido, um grupo de médicos impetrou representação no Conselho Federal de Medicina contra o parlamentar baiano.

Sua conduta de torna ainda mais grave quando ele debocha e desrespeita colegas médicos que pensam diferente de seus interesses.

A representação protocolada faz gravíssimas acusações, inclusive de exercício ilegal da medicina, quando se declara “ortopedista”, sem qualquer registro profissional.

O “falso ortopedista” terá que responder ainda por ferir vários dispositivos do Código de Ética Médica ao tentar desmoralizar a colega Nise Yamagushi de forma ultrajante durante depoimento na CPI.

Otto Alencar parece ser mais um exemplo afrontoso da nefasta composição dessa CPI dos horrores. Informações do Jornal Cidade Online.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.