Fundação Dr. Jesus de Isidório é acusada de maus tratos contra internos

A Fundação Dr. Jesus, localizado no distrito de Menino Jesus/BR 324, em Candeias, e que tem como proprietário o deputado federal Pastor Isidório (Avante), foi alvo de denúncia de maus tratos como castigos físicos, racionamento de comida, segregação e repressão sexual e doutrinação religiosa interferindo nos cuidados médicos.

Em reportagem veiculada pelo Fantástico neste domingo (19), na Rede Globo, Isidório aparece dando declarações associando pessoas transgênero a práticas diabólicas.

“Você deixou o diabo lhe enganar. Você deixou o médico cortar seu pé de sofá. Ela só pensa que tem bilau. O diabo diz ao homem que ele pode ser mulher, aí ele se veste todo, bota silicone”, afirma em vídeo.

Isidorio também aparece em um outro momento zombando da medicina, com um facão na mão, afirmando que a arma branca é o ‘psiquiatra’.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.